Acesso à informação
  • A-
  • A
  • A+
  • Alto contraste
  • Colorido
Monja pregou reciprocidade e empatia
Escrito por Redação Ascom   
Sex, 14 de Setembro de 2018 11:30

A monja Coen Roshi realizou nesta quinta-feira, 13, no Teatro Moacyr Scliar, uma palestra especial para a comunidade acadêmica da UFCSPA. Acompanhada de seus discípulos budistas, a monja falou sobre saúde física, mental e social. O enfoque da apresentação foi na melhoria das relações entre pacientes e profissionais de saúde, em uma perspectiva de reciprocidade e empatia.

 

Foto: Luciano Valério 
 

A reitora Lucia Pellanda abriu o evento, apresentando a monja, agradecendo sua presença e refletindo a importância da presença da espiritualista na instituição. A monja Coen começou a palestra realizando um exercício de respiração com a plateia. Depois, falou sobre a importância de prestar atenção no outro e em como as pessoas estavam perdendo a capacidade de dialogar e se relacionar: "Perdemos a capacidade de conversar, de conhecer as pessoas", afirmou. Ela enfocou que os profissionais de saúde não devem se preocupar apenas em atender os pacientes, mas em enxergá-los, dar atenção a eles, suas peculiaridades e preocupações. 

Foto: Luciano Valério 

 
A monja lembrou também a importância de os profissionais de saúde estarem bem, física e psicologicamente: "Só seres saudáveis podem cuidar de outros seres", frisou. Disse também que é preciso encontrar um sentido para a existência, mesmo que este sentido varie conforme o momento de nossas vidas. "Ninguém existe sozinho, em isolamento, a gente interage com tudo o que existe a nossa volta". Como recomendações para uma vida mais saudável, Coen sugeriu a prática do bem, a apreciação da beleza das pequenas coisas da vida, a resiliência e a procura pela verdade.  
 

Foto: Luciano Valério 


Ela falou ainda sobre a questão do suicídio. Enfatizou que sempre há uma saída para os problemas e que mesmo quando as pessoas acham que não são capazes de suportar, elas são, sim, capazes de enfrentar. Afirmou que não é vergonha nenhuma precisar de medicação para suportar a depressão e que devemos sempre estar prontos para ajudar amigos e colegas quando percebermos sinais indicativos de suicídio. 

A palestra durou cerca de 1h30min, contou com a participação de 200 pessoas e teve transmissão no canal da UFCSPA no Youtube. Os ingressos foram distribuídos à comunidade acadêmica através de sorteio. Os alimentos arrecadados com a atividade foram doados para o projeto Cozinheiros do Bem

 

 

 


Universidade Federal de Ciências da Saúde de Porto Alegre
Rua Sarmento Leite, 245 - Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil - CEP 90050-170
Fone +55 (51) 3303-9000 - facebook.com/UFCSPA - @UFCSPA - youtube.com/UFCSPA



© 2009-2018 UFCSPA